Notícias Opiniões Segurança Moto Clubes Pilotos Eventos Desporto Esc. Condução IPO Área Reservada 
Sun, 22 Jul 2018
Entrada
Atrelados
Automóveis
Bicicletas
Motos
Viaturas Usadas
Emprego

 
 
Organização errou com Ruben Faria

Depois da extraordinária etapa realizada ontem por Ruben Faria, a organização do Dakar estragou a festa e pela segunda vez retirou ao piloto algarvio a primeira posição numa especial. Se na primeira etapa foi um alegado excesso de velocidade a ditar um minuto de penalização, desta feita foi um erro da própria organização que ditou a existência da descida ao sétimo posto da especial, numa altura em que se espera ainda uma reposição de resultados por parte da ASO.

Os factos são simples e é o próprio Ruben Faria que os explica:
“Quando chegamos ao ponto de reabastecimento, em qualquer especial, os controladores no local ficam sempre com a carta de controle que transportamos na sua posse e são eles que nos chamam para o regresso à corrida após esses quinze minutos de paragem. Quando cheguei entreguei a minha carta e arranquei quando me chamaram, como é procedimento habitual. Não cometi qualquer ilegalidade e estou de consciência tranquila.” Afirma Ruben Faria em Arica onde se cumpre hoje o dia de descanso deste Dakar 2011.

A classificação da etapa está neste momento a ser analisada pela equipa de cronometragem da prova, tendo já os responsáveis da prova chegado à conclusão de que o piloto do Algarve esteve parado não cinco minutos, mas sim 11 minutos, o que retira bastantes minutos aos que a organização ontem juntou ao seu tempo final.

“O erro é deles e aconteceu com mais pilotos, uns que estiveram menos tempo no local, como eu, outros que estiveram mais tempo. De referir que não fui penalizado, apenas juntaram ao meu tempo aquele que alegadamente eu não estive parado, ou seja, os cerca de dez minutos que parti mais cedo, na primeira contagem deles, o que afinal também não é correcto.”

Desgastado mesmo com a situação o piloto do Algarve reforça que “...não quero me declarem novamente vencedor, antes pelo contrário. Quero a verdade desportiva reposta independentemente de quem venceu a especial. Não enganei nem tentei enganar ninguém, fui apanhado num erro que deve ser apenas imputado à organização e não a mim.”

Ruben Faria e a equipa da Red Bull KTM continuam a aguardar em Arica pela emissão do comunicado oficial que reponha a verdade dos factos sobre a etapa de ontem, o mesmo se passando com a classificação da jornada e geral que deverá igualmente sofrer acertos.

Rui Belmonte, 2011-01-08
 
Pesquisar

W e b - d e s i g n


  A informação disponibilizada é de carácter informativo. Não tem a pretensão de ser exaustiva nem completa.
Não nos responsabilizamos por qualquer tipo de incorrecção, embora tenhamos a preocupação de ter a informação o mais correcta possível.