Notícias Opiniões Segurança Moto Clubes Pilotos Eventos Desporto Esc. Condução IPO Área Reservada 
Sun, 15 Sep 2019
Entrada
Atrelados
Automóveis
Bicicletas
Motos
Viaturas Usadas
Emprego
Dakar 2004

 
 
Dificuldades na Mauritânia

Elisabete Jacinto perde 3 horas

Depois de excelentes prestações nas duas etapas marroquinas, onde se guindou ao primeiro terço da classificação dos camiões, Elisabete Jacinto está a sentir algumas dificuldades nas longas e duras etapas disputadas na Mauritânia. Ontem perdeu quase três horas para tirar o seu camião de um chott e essa situação implicou que para a etapa de hoje partisse bastante mais atrasada.

Para a piloto da equipa Renault Trucks Trifene 200: “esta era previsivelmente uma etapa bastante difícil e sobretudo muito longa. Não começámos nada bem, com algumas falhas de navegação, que nos fizeram perder algumas posições que, depois, são cada vez mais difíceis de superar. Mas conseguimos imprimir um excelente andamento e o nosso Kerax estava a ter um comportamento magnífico. O pior foi que já para o final da etapa, entrámos inadvertidamente num chott e tivemos de esperar imenso tempo até que alguém nos ajudasse a sair da situação em que nos encontrávamos e isso só aconteceu com um dos últimos concorrentes. São coisas que acontecem, mas tornam a nossa tarefa cada vez mais difícil.”

Na etapa de hoje Elisabete Jacinto já cumpriu mais de metade do sector selectivo mas apenas por volta da meia-noite deverá chegar a Tidjikja, onde termina a primeira parte de uma longa etapa Maratona que terminará amanhã em Néma e que obriga os concorrentes a não contarem esta noite com quaisquer meios de assistência. Espera-os a etapa mais dura e longa da edição 2004, num percurso que tem testemunhado alguns dos mais belos e históricos momentos desta corrida.

A2 Comunicação, 2004-01-08
 
Pesquisar

W e b - d e s i g n


  A informação disponibilizada é de carácter informativo. Não tem a pretensão de ser exaustiva nem completa.
Não nos responsabilizamos por qualquer tipo de incorrecção, embora tenhamos a preocupação de ter a informação o mais correcta possível.