Notícias Opiniões Segurança Moto Clubes Pilotos Eventos Desporto Esc. Condução IPO Área Reservada 
Fri, 24 May 2019
Entrada
Atrelados
Automóveis
Bicicletas
Motos
Viaturas Usadas
Emprego

 
 
Adélio Machado mesmo com problemas eléctricos sobe cinco posições na geral

O piloto de Famalicão mantém a terceira posição entre os portugueses

A 13ª etapa do dia de hoje, Sexta-feira 13, ditou os maiores problemas para a dupla Adélio Machado e Laurent Flament no Lisboa Dakar 2006. O piloto de Famalicão teve de reparar um circuito eléctrico do Toyota Land Cruiser, operação que demorou cerca de 2 horas a ficar solucionada. Mesmo com este contratempo, Adélio Machado recuperou cinco lugares na classificação geral, mantendo a terceira melhor posição entre as equipas portuguesas em prova, tendo terminado a especial na 52ª posição.

Com um piso bastante demolidor para a mecânica da viatura, os 348 quilómetros da especial que ligava Labé a Tambacounda foram percorridos com cautelas extras “são troços característicos do Senegal. Sabíamos da sua dureza e estávamos precavidos dos males que nos poderiam causar caso não tivéssemos cuidados redobrados. Poupamos ao máximo o carro e não quisemos correr riscos. Um curto-circuito fez-nos perder bastante tempo na especial, e tivemos de nos socorrer do nosso conhecimento de alguma mecânica para resolver o problemas e voltar a por o carro em andamento” adiantou Adélio Machado já a rolar em direcção ao acampamento.

Está assim cumprida mais uma etapa, desta longa cavalgada que se iniciou à duas semanas atrás na capital portuguesa e leva os mais “duros” e sobreviventes da caravana da mais longa e dura prova de TT do mundo até Dakar, por terras senegalesas “faltam agora apenas duas etapas para a chegada às areia da praia mais falada dos últimos dias, e assim cumprir o nosso objectivo. O dia de amanhã ainda pode trazer algumas dificuldades, pelo que vamos levar o carro «ao colo» para que nada de anormal nos possa acontecer nesta derradeira etapa em ritmo mais competitivo, já que a especial de domingo, a ultima, será de festa e consagração para os mais felizes com a chegada a Dakar

As pistas senegalesas, recebem amanhã a “derradeira” etapa do Lisboa Dakar, antes da tirada da consagração, nas areias do Lago Rosa. A 14ª Especial vai voltar a por à prova os co-pilotos. A especial é mais longa que no ano passado e as inúmeras mudanças de direcção podem levar os mais distraídos a perder a pista. Por outras palavras, ainda há minutos a perder ou a ganhar. A entrada em Dakar faz-se depois de uma bonita passeata em ligação, com visita sossegada das aldeias senegalesas no programa “espero por vocês ao cair da noite”.

VMPress, 2006-01-13
 
Pesquisar

W e b - d e s i g n


  A informação disponibilizada é de carácter informativo. Não tem a pretensão de ser exaustiva nem completa.
Não nos responsabilizamos por qualquer tipo de incorrecção, embora tenhamos a preocupação de ter a informação o mais correcta possível.